sexta-feira, 15 de junho de 2012

Questionamento - 4ª fase da blogagem coletiva Amor aos pedaços

Eu estava conversando com o meu irmão no Atelier, quando chegou uma cliente e contou que tinha acabado de presenciar uma cena dramática em um bairro próximo ao nosso.
Tinha um corpo de uma rapaz caído no meio da rua. Ele foi assassinado porque não obedeceu a ordem dos ladrões para entregar o carro. Foi alvejado pelas costas, ele tinha mais ou menos 30 anos.
O pior de tudo é que a minha história deixou de ser novidade. Todos os dias, pessoas são assassinadas nas cidades brasileiras.
Perguntamos - o que está acontecendo conosco?
O homem se tornou o que?


Blogagem Coletiva - iniciativa das amigas:

11 comentários:

  1. Triste fato, profundo questionamento,tão comum nos nossos dias. TRISTE! beijos,chica

    ResponderExcluir
  2. Você questiona, eu questiono, mas as autoridades questionam? As autoridades se preocupam em limpar quando algum fato mundial acontece na cidade??? Muito triste isso, mas o rapaz não devia ter se negado entregar o carro. Virginia, questionamento de todos os brasileiros! Fique com Deus! Tenha um fim de semana feliz! Grande abraço!

    ResponderExcluir
  3. Lovely day
    While reading this magical article, I have feel that this blog really has all the quality that qualify a blog to be a good one!

    ResponderExcluir
  4. Olá vim visitar seu blog! Achei lindo! Estou seguindo seu blog e convido você a conhecer o meu.
    Ficarei feliz se quiser seguir o meu blog também!
    Meu blog é esse: http://amorporamigurumis.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Oi amiga vim conhecer seu cantinho e adorei e ja vou ficar por aqui te seguindo e te convido a conhecer meu blog e se gostar e quiser seguir vou ficar bem feliz !!Beijinhos.

    ResponderExcluir
  6. Está faltando amor entre as pessoas, deixar o egoísmo de lado, deixar o preconceito...está faltando família...Os relacionamentos não resistem a primeira discussão, os filhos ficam a mercê, cada um por si...Acredito que tudo é na família que pode se resolver.
    Paz e bem

    ResponderExcluir
  7. Oi Virginia.
    Muito inteligente a sua forma de questionar o amor.
    Onde anda o amor ao próximo nessa história, não é mesmo?
    Como é possivel matar assim sem mais nem menos?
    Beijinhos querida. Grata por estar conosco em mais um pedaço da BCAP.
    Se quiser conferir a chamada para a 5ªfase já está postada.
    Rute

    ResponderExcluir
  8. A raiz do problema está em lares desestruturados em que o amor não foi motivo principal para gerar uma família. Além disso, tem a questão da miséria em nosso país, donde falta amor ao próximo pelos nossos governantes. Nós não podemos salvar o mundo, mas podemos nos compadecer da dor alheia e criar uma corrente de energia positiva.
    Virgínia, me desculpe não ter chegado aqui antes. Não consegui acessar a internet no final de semana e conto os motivos no post de chamada para a 5ª e última fase da blogagem.
    Boa semana!! Fique em paz!!
    Beijus,

    ResponderExcluir
  9. Virginia,

    Esse seu questionamento só tem uma resposta: falta de amor.
    Não podemos permitir que isso pareça nem de longe, normal. Que mundo é esse?

    Percebi que pela frequência de suas postagens, você também está um pouco ausente da blogosfera.
    Vou entrar de férias do colégio semana que vem, e espero ter mais tempo pra visitar os amigos e atualizar. Sinto falta de interagir com assiduidade, como no começo.

    Tenha um abençoado Domingo.

    Beijos

    ResponderExcluir
  10. Olá, querida
    Estou numa Missão que me tem fora do lar por vários dias no mês...
    Vc colocou um Questionamento sobre a violência atual e personalizou o seu post... Legal!!!
    Vale a pena esse questionamento de carência amorosa para com os demais...
    Seja feliz e abençoada!!!
    Bjs de paz

    ResponderExcluir
  11. Oi Virginia.
    Vim lembrar da última fase BC Amor aos Pedaços (15 JULHO).
    Mas se quiser ainda pode postar.
    Aguardamos sua participação com carinho.
    Beijinhos.
    Rute

    ResponderExcluir

O Arte Livre Vimajê fica muito feliz com o seu comentário.
Quando a curiosidade mata um gato. Não me deixe morrer. Muito obrigada pela gentiliza. Abraços.

Related Posts with Thumbnails